top of page
Buscar
  • Foto do escritorSINTUFF

Assembleia aprova continuidade da greve e rejeita proposta do governo


A Assembleia Geral do SINTUFF desta quinta-feira (13), realizada na Faculdade de Economia, debateu a nova proposta do governo apresentada na sexta Mesa de Negociação Temporária e Específica. Após ampla discussão, a Assembleia deliberou pela continuidade da greve, por unanimidade. Em relação à proposta do governo na Mesa de Negociação, foram apresentadas duas posições. Alessandra Primo de Moraes, coordenadora geral do SINTUFF defendeu a rejeição da proposta do governo. O servidor Guilherme Leme defendeu o adiamento da decisão para a próxima assembleia, após avaliação do Comando Nacional de Greve (CNG) da FASUBRA. Por maioria, aferida em contraste visual, a Assembleia decidiu rejeitar a proposta do governo. Prevaleceu o entendimento que a proposta do governo segue insuficiente e que a greve tem demonstrado força para alcançar ganhos maiores na negociação. A assembleia deliberou também a elaboração de uma nota de resposta ao presidente Lula por sua declaração na reunião com reitores(as).


Para a representação ao Comando Nacional de Greve (CNG) da FASUBRA, foram formadas duas chapas. A chapa Combate obteve 44 votos e elegeu três representantes. A chapa Democracia Sempre angariou 22 votos e elegeu duas pessoas. Foram eleitos ao CNG: Adilson Gomes Falcão, Jeferson Alves Vieira, Leila Regina Nunes Correa, Paulo Roberto Batista Torres e Vicente de Paula Ferreira da Silva.

 

Repúdio ao PL 1904


Foi aprovada moção de repúdio ao Projeto de Lei (PL) 1904, que prevê pena de homicídio simples para aborto após 22 semanas de gestação. O projeto prevê que a pena que se aplica até mesmo para interrupção da gravidez resultante de estupro. Com essa lei uma mulher vítima de estupro que interrompa a gestação após 22 semanas corre o risco de receber uma pena criminal maior que um condenado por estupro. Além de repudiar o projeto, foi deliberada a participação do SINTUFF nos atos contra o PL 1904.

Comments


bottom of page