Buscar
  • SINTUFF

A importância de se filiar ao SINTUFF



O SINTUFF é a segurança da categoria estar representada politicamente e juridicamente em suas demandas, para defender e conquistar direitos, lutar por condições de trabalho e combater o assédio moral.

Com a renda mensal das contribuições é possível manter a Assessoria Jurídica, produzir as mais diversas publicações impressas e online para informar os servidores, garantir a estrutura necessária para as lutas políticas da categoria e fortalecer as lutas gerais da classe trabalhadora.

Conquistas históricas como plano de carreira, incentivo à qualificação, reposicionamento dos aposentados, pagamento dos 28,86% e 3,17%, entre outras pautas, só foram possíveis através do fortalecimento da organização sindical em âmbito local e nacional.

Os serviços públicos, entre eles a universidade e a saúde, são alvos frequentes de cortes de verbas, falta de concursos públicos e medidas que visam o sucateamento e a privatização. Para fazer frente a ataques como estes é necessário um sindicalismo forte, capaz de mobilizar e ir às ruas confrontar essas medidas. E para o sindicato ser forte é preciso que a base se filie. Fortalecer o SINTUFF é defender a própria existência da UFF, em um momento que as universidades estão sob ameaça de fechar diante do violento corte de recursos públicos pelo governo.


Sem representação sindical forte, nossos direitos viram alvo fácil


Sem representação sindical forte, nossos direitos viram alvo fácil para governantes e gestores que buscam acabar ou reduzir tudo aquilo que foi obtido com muita luta ao longo de décadas. Muitos direitos que temos hoje, como plano de carreira, incentivo à qualificação, estabilidade, estão ameaçados. Direitos esses que foram adquiridos pela luta sindical coletiva e unificada.

Quando nossos direitos são atacados, como nas reformas da previdência e administrativa, a grande mídia e os governos apertam o passo para justificar para a sociedade essas medidas. No caso dos servidores públicos, surge todo tipo de narrativas para nos demonizar, enquanto os verdadeiros culpados da crise do país mantém suas regalias.

No âmbito da universidade, a reitoria e demais gestores sempre se dizem "obrigados", seja pela justiça ou pelos órgãos de controle, a retirar nossas conquistas e direitos.

Para contrapor as propagandas que buscam justificar a retirada dos nossos direitos e conquistas, para informar a categoria da situação do país e local, para conseguir que informações de interesse geral e imediato do segmento técnico-administrativo da UFF cheguem com rapidez e abrangência, é preciso uma comunicação sindical forte, garantida pela contribuição dos associados.


A importância de manter uma Assessoria Jurídica forte


O SINTUFF dispõe de uma equipe jurídica a disposição de filiadas e filiados para tratar de assuntos trabalhistas e funcionais no ambiente de trabalho, assim como defender os direitos políticos e pecuniários dos associados ao sindicato. A Assessoria Jurídica do sindicato atua em casos de assédio moral, de valores descontados indevidamente, de valores não pagos a receber, de adicional de insalubridade, entre outros temas, tanto no âmbito individual do servidor ou da servidora, como geral da categoria.

Coletivamente, a assessoria jurídica intervém em defesa de direitos do conjunto da categoria, como ocorreu no reposicionamento dos aposentados, na trilha 069, no direito ao afastamento para as pessoas de grupos de risco, no reestabelecimento de adicionais de insalubridade retirados indevidamente, entre outras pautas relevantes para servidoras e servidores.


Fortalecer a arrecadação do sindicato frente aos ataques do governo e da reitoria


O governo Bolsonaro facilitou desfiliações de entidades sindicais do serviço público. Muitos servidores relatam ser compulsoriamente desfiliados, sem conhecimento, ao dar acesso de suas contas no Portal do Servidor a instituições bancárias. O governo tentou prejudicar a arrecadação dos sindicatos impedindo desconto em folha de pagamento através de Medida Provisória, hoje já sem efeito. Na época, o SINTUFF conseguiu judicialmente manter sua arrecadação.

No âmbito da UFF, a reitoria tem perseguido o sindicato em ações judiciais que cobram alugueis da antiga sede no Campus Valonguinho e da subsede do Hospital Universitário Antonio Pedro (HUAP). O cálculo dos alugueis retroativos cobrados pela reitoria para a antiga sede são astronômicos e exorbitam o valor de mercado previsto na sentença judicial. Recentemente reeleita, esperamos que a reitoria reveja sua postura ofensiva contra a representação sindical e negocie valores justos e não asfixiem a entidade, assim como abra negociações para permanência de uma subsede no HUAP. Além disso, a partir do pagamento, é necessário que a reitoria seja transparente em relação ao direcionamento desses valores pagos e que os recursos retirados judicialmente do SINTUFF sejam revertidos em favor do segmento técnico-administrativo, em alguma ação política da administração definida de forma democrática junto à categoria.

Filie-se ao SINTUFF e ajude a entidade a se manter viva e atuante, a despeito dos ataques do governo e da reitoria que buscam estrangular a representação sindical da categoria financeiramente. O sindicato é o seu instrumento!