• SINTUFF

Vacina para todos já!


No Brasil desgovernado por Bolsonaro, a crise econômica, social e sanitária assola o país, afetando principalmente a classe trabalhadora, a população pobre e profissionais de saúde. Nos países em que a vacinação avançou rápido, a queda dos números de casos e mortes por Covid-19 tem sido brusca. No Brasil, a política de sabotagem da vacina por parte de Bolsonaro gerou atrasos, fazendo a pandemia entrar em sua pior fase no país, com recordes de mortes na última semana.

Além do boicote à vacina, Bolsonaro desestimula o isolamento social, o uso de máscara, incentiva e provoca aglomerações. Em meio ao caos sanitário, o governo e o Congresso Nacional avançam na PEC Emergencial e na Reforma Administrativa que operam a desarticulação dos serviços públicos e o desmonte das carreiras dos servidores.


Bolsonaro aplicou política assassina de fechamento de leitos

No mês de janeiro, em plena segunda onda da pandemia, o Ministério da Saúde desmobilizou milhares de leitos de UTI para Covid-19 que mantinha nos estados. No estado de São Paulo, em dezembro de 2020 havia 3.822 leitos na rede estadual mantidos pela União. Em fevereiro de 2021, esse número caiu para 564. Um ato criminoso do governo Bolsonaro que gerou até mesmo reação do Supremo Tribunal Federal (STF). A ministra do STF, Rosa Weber, determinou ao governo federal a reabertura dos leitos em São Paulo, Bahia e Maranhão.


Assembleia Geral do SINTUFF

Estão colocados desafios importantes como a luta pela vacinação para todos, a batalha contra a PEC Emergencial que impede concursos públicos, congela salários e progressões dos servidores, e para derrotar a Reforma Administrativa que desarticula os serviços públicos.


Participe da Assembleia!

04-03-2021 (quinta-feira) 14 horas Link: https://meet.google.com/wzg-qakx-ces