• SINTUFF

Reunião no HUAP debate vacina e informa sobre insalubridade


Reunião de base do HUAP, convocada pela coordenação do SINTUFF, ocorreu nesta segunda-feira (25/1), reunindo por volta de 25 companheiras e companheiros, com a pauta: vacina.

Precedendo a pauta, esteve presente a advogada Dr. Dalila Pinheiro, da assessoria jurídica do SINTUFF, que prestou esclarecimentos sobre a ação judicial impetrada pelo sindicato em exigência do grau máximo de insalubridade a todos os servidores ativos presencialmente no HUAP, durante a pandemia. O jurídico irá emitir relatório sobre o andamento da ação (Mandado de Segurança Coletivo 0100689-49.2020.5.01.0244). A mesa esclareceu que o ponto sobre adicional de insalubridade era apenas informativo, conforme deliberação da reunião da coordenação (20/1).

Após as perguntas respondidas pela advogada, foi aberto o ponto sobre vacina. Anteriormente à reunião do HUAP, a coordenação do sindicato havia aprovado a emissão de documento solicitando o plano de vacinação dos funcionários do HUAP, reforçar a denúncia da falta de ampla testagem para Covid em todos os trabalhadores, denunciar a ausência de medidas sanitárias que não vem sendo tomadas para conter a transmissão da Covid-19 no HUAP e denunciar a falta de funcionários e a sobrecarga de trabalho no HUAP.


Durantes as falas, foram apresentadas as seguintes proposições sobre o tema da vacinação:

“Defender que a vacina seja prioritária para todos no HUAP, abarcando todos os profissionais atuantes presencialmente no hospital, incluindo o apoio presencial (setores administrativos, terceirizados, residentes); e todos que estão liberados por serem grupos de risco, nesta ordem.”

“O SINTUFF requerer formalmente a lista de distribuição prioritária e os critérios para tomar a vacina do município de Niterói, de forma a fiscalizar os critérios de prioridade e eventuais tentativas de furar a fila.”

“Campanha vacina a todos pelo SUS.”

“Repudiar a reitoria e a EBSERH por se recusarem a responder os requerimentos e a formalizar reuniões com o SINTUFF sobre as pautas do HUAP.”

“Reafirmar pedido de mesa de negociação com SINTUFF.”

“Que o SINTUFF formalize uma cobrança a Secretaria Municipal de Saúde da prefeitura para esclarecer sobre os frascos de vacinas que sumiram.”


Foi feito um destaque sobre as propostas acima descritas e, na ausência de consenso, as mesmas serão encaminhadas para que a coordenação do SINTUFF delibere sobre elas.