Buscar
  • SINTUFF

Atos pelo país expressam disposição de luta contra a Reforma no dia 19/2


Apesar das centrais sindicais (CUT, Força Sindical, CTB, UGT) não terem organizado uma luta nacional, a pressão das bases levou à mobilização de várias categorias. Rodoviários, químicos e metalúrgicos de São Paulo, bancários e educadores do Rio de Janeiro paralisaram no dia 19/2. Houve atos em São Paulo, Belo Horizonte e Belém. No Rio de Janeiro, apesar da chuva, houve uma marcha pela Av. Rio Branco.

A mobilização tem que continuar para impedir a aprovação das medidas que atacam os direitos dos trabalhadores, organizando uma nova jornada de lutas rumo à construção de uma greve geral.

O SINTUFF convoca a categoria para participar da assembleia dia 22/2 para discutir a preparação de um calendário de luta e debater a campanha salarial. Participe da Assembleia, venha debater a crise política, econômica e social do país, a necessidade de continuar enfrentando os ataques do governo, os reflexos desta conjuntura para a categoria. A assembleia elegerá também delegados à plenária da FASUBRA, espaço para armar a luta da categoria nacionalmente e batalhar por uma linha combativa para a Federação.

#DiaNacional #Assembleia #atos #BarraraReforma #ReformadaPrevidência